Injustiça no trabalho

A minha vida financeira passou de estável a instável de um momento para o outro, por causa de uma injustiça.

Trabalhava numa empresa e, com o passar do tempo, o meu horário de trabalho e a minha responsabilidade começaram a aumentar, no entanto, o meu salário não acompanhou esse crescimento. Portanto, ganhava o mesmo que os meus colegas em regime de part-time, mas eu trabalhava full-time e sempre que era necessário fazia horas extra.

Não vendo o retorno financeiro do meu trabalho, falei em primeiro lugar com os responsáveis, mas mesmo depois disso, nada mudou.

Senti-me desanimada, mas, não me deixei abater e procurei outra solução. Passei a participar no Jejum das Causas Impossíveis e, um dia, quando o pastor chamou as pessoas que queriam uma resposta urgente, foi quando aceitei o desafio de fé.

Na segunda-feira seguinte, recebi uma proposta de emprego, onde fui ganhar três vezes mais do que ganhava no emprego anterior e tenho todas as regalias a que tenho direito.”

Alésia Mendes, Universal Portugal

Fonte: Folha de Portugal