Porque cada trabalhador tem o seu valor!

DiaDoTrabalhador16-1Não existe maior luta, quem sabe mais antiga e para muitos mais inglória do que a travada em prol da justiça pelo trabalho realizado!

Apresenta-se em variados formatos e adequado às diferentes capacidades de quem o efetua… de facto, desde cedo aprendemos que para sermos bem-sucedidos na vida é necessário que tenhamos bem presente a ética do TRABALHO!

Para viver de forma digna neste mundo, precisamos de trabalhar e ser recompensados pelo trabalho realizado, mas de maneira justa! É certo que existem uns mais agradáveis que outros, mas, o mais importante, não é o que fazemos, mas sim que tipo de trabalhador somos no desempenho das nossas tarefas!

Mas, quem é o “bom trabalhador” para a sociedade? É todo aquele que executa com precisão, profissionalismo e competência o que lhe foi pedido, ordenado, requerido ou combinado! E é, precisamente este que ganha o direito de reclamar quando os seus direitos não estão a ser respeitados:

  • Quando o que aufere não é compatível com o que realiza;
  • Quando não tem as condições necessárias ou mínimas sequer para realizar a sua tarefa;
  • Quando a sua voz, valor, iniciativa, desejo de melhorar o seu setor não são reconhecidos…

O Dia do Trabalhador é para si e para todos aqueles que não aceitam continuar numa situação que, para além de frustrante, se torna também humilhante, pois os degrada não só diante dos seus colegas, como dos seus familiares e amigos…

Porém, tenha bem presente esta premissa: SÓ CLAMA QUE TEM DIREITOS… E SÓ TEM DIREITOS OS QUE CUMPREM COM AS SUAS OBRIGAÇÕES!

Por este motivo, de 1 a 8 de Maio, estaremos a realizar a Semana do Clamor dos Trabalhadores!

Porque o salário de cada trabalhador deve ser Digno, ou seja, justo e não defraudado!

“Pois a Escritura declara: Não amordaces o boi, quando pisa o trigo. E ainda: O trabalhador é digno do seu salário.”

(1 Timóteo 5.18)

Mas, para Deus, quem é o “Bom Trabalhador”? Ser (bom) trabalhador para Deus, é ser Obediente a Ele, Dizimista fiel, Ofertante generoso… tal como relata a seguinte passagem bíblica:

“Mas, que vos parece? Um homem tinha dois filhos, e, dirigindo-se ao primeiro, disse: Filho, vai trabalhar hoje na minha vinha.
Ele, porém, respondendo, disse: Não quero. Mas depois, arrependendo-se, foi.
E, dirigindo-se ao segundo, falou-lhe de igual modo; e, respondendo ele, disse: Eu vou, senhor; e não foi.
Qual dos dois fez a vontade do pai? Disseram-lhe eles: O primeiro. Disse-lhes Jesus. Em verdade vos digo que os publicanos e as meretrizes entram adiante de vós no reino de Deus.
Porque João (Dizimaste fiel e Ofertante generoso) veio a vós no caminho da justiça, e não o crestes, mas os publicanos e as meretrizes o creram; vós, porém, vendo isto, nem depois vos arrependestes para o crer.”

(Mateus 21.28-32)

Dia do Trabalhador, neste domingo, dia 1 de maio, às 10h.

Consagração Especial dos Dizimistas com o Óleo Apresentado ao Deus-Vivo

Todos os Dizimistas serão Consagrados neste dia especialmente dedicado aos trabalhadores e tão emblemático na sociedade luxemburguesa. Por isso, cada pessoa terá a ferramenta, instrumento ou símbolo representativo do seu trabalho ou profissão ungidos com o Óleo Apresentado ao Deus-Vivo, Aquele que fez a Promessa a cada um dos trabalhadores!

Sede Nacional
4 Place de Strasbourg
Luxembourg Ville, Luxemburgo

E em todos os Centros de Ajuda do país

Deixe o seu comentário

Ou preencha o formulário abaixo.

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *