Joio ou trigo?

Quem fala de si mesmo busca a sua própria glória; mas o que busca a glória dAquele que o enviou, esse é verdadeiro, e não há nele injustiça. João 7.18

Pastores, bispos, esposas, obreiros, a olho nu, são todos servos de Deus, querem desenvolver seu ministério, querem ganhar almas, mas como saber quem está buscando a sua própria glória e quem está buscando a glória dAquele que o enviou?

A resposta está no mesmo versículo:

…esse é verdadeiro, e não há nele injustiça. João 7.18

Podemos arrebentar em tudo em nosso ministério, porém, se vivermos na injustiça (pecado), estamos enganando aos outros e, sobretudo, a nós mesmos, aí está detectado o joio (enganador).

E, tratando-se de joio, a pior coisa que existe para ele é o Senhor permiti-lo crescer no meio do trigo até a colheita, pois, quando esse tempo chegar, não haverá Salvação para ele.

Quem dera reconhecesse que é joio e se arrependesse, sem dúvida o Senhor poderia transformá-lo em trigo, mas ele está caminhando a passos largos para a GRANDE SEPARAÇÃO NA COLHEITA:

…ajuntai primeiro o joio, atai-o em feixes para ser queimado… Mateus 13.30

Ele será queimado no fogo eterno.

ATENÇÃO!

Se você percebe que é joio, ainda é possível se arrepender e suplicar ao Senhor Jesus para que Ele lhe faça essa transformação (novo nascimento), caso contrário, você continuará “crescendo” no meio dos trigos, porém, os trigos caminhando para o celeiro de Deus (céu), e os joios atados em feixes caminhando para serem queimados no inferno. MISERICÓRDIA!!!

Colaborou: Bispo Sergio Corrêa

Fonte: Bispo Macedo

 

 

A quem você deve?

Quando temos uma dívida com alguém, passamos a ter um compromisso com aquela pessoa a qual devemos...

- Bispo Edir Macedo

Ele veio para…

Você sabia que o Senhor Jesus não veio a este mundo para salvar os que estão salvos?

- Bispo Edir Macedo